Páginas

domingo, 14 de maio de 2017

Poesia: Feliz dia das mães

Domingo: 14/05/17


Amor, quando Deus te criou,
Ele disse: vai... filha!
Que por meio de ti, farei maravilhas!
Desde então tem se cumprido a profecia!
Os que te conhecem bem...
Sabem que o que digo – não é mentira.
Tu és um ser humano incrível,
Uma pessoa leal, íntegra...
Companheira, verdadeira;
Inesquecível, aos que circulam em tuas páginas de amigos.
O senhor ainda falou contigo:
Queres mais?
Tá bom, também te darei a dádiva,  
De em teu ventre gerar vida!
Mas como as misericórdias do senhor são infinitas;
Inda te deu a chances de perpetuar a sua espécie...
Através de tua filha.
Então veio sua neta,
Presente de Deus pra sua vida,  
Pra quebrar de vez a rotina;
É bem verdade que as lutas aumentaram,
E as responsabilidades só se multiplicam,
Tem horas que você até pensa que não vai dá conta,
E que só jesus em tua vida!
Pois é, só Ele é o que te basta,  
Pra segurar em tuas mãos e dizer: siga!
Aí você enxuga as lágrimas,
Se levanta do chão,
Respira fundo,
Ergue a cabeça,
Veste a melhor roupa,
Sai pro abraço e,
Sorri pra vida!
É assim que tem que ser,
Por quer Deus não te fez pra sofrer,
Alta estima é o seu nome,
E seu sorriso, é o seu cartão de visita.
Você é uma estrela,
E elas por natureza brilham;
Elas existem senão pra inspirar os poetas,
A escrevem poesias,  
Você me insira!
Feliz dia das mães minha querida!
Que você continue sendo o que você é:
Exemplo de mãe, avó, filha,
E esse doce de mulher,
Que tanto tem, me adocicado a vida!

Mais informações »

sábado, 13 de maio de 2017

Poesia: mãe



Domingo: 14/05/17 
Tu és sinônimo de amor,
És joia inestimável,
De preço incalculável,
Que joalheiro nenhum avaliou.

Tu és delicada,
Como uma flor,
És sonho real,
Que ninguém sonhou.

Tu és magia,
Que nos encantou,
És poesia,
Que em meus versos rimou.

Tu és muito valente,
Armada inté os dentes,
Com a arma mais potente,
Que é o amor.

http://adilsonconectado.blogspot.com/
Mais informações »

Soneto: Mãe

Domingo: 14/05/17


Escolhida por Deus,
Com o dom de gerar vida;  
Tu és dentre todas,
A criatura mais linda.

Esculpida a dedos,
Por nosso Senhor;
Tu és obra prima,
E de muito valor.

Um anjo que se materializou,
E se transformou em mulher;
Pra amar, sem medida...

Oh, mãezinha querida,
Por amor és capaz de coisas;
Que até mesmo Deus duvida!

Mais informações »